Departamento de Informática e Estatística
  • Avalie agora também o design visual do seu app com o CodeMaster!

    Publicado em 07/11/2019 às 18:19

    Já está disponível online o novo módulo do CodeMaster para avaliar automaticamente o design visual de apps desenvolvidos com App Inventor.

    A avaliação é baseada na CodeMaster UI Design – App Inventor Rubric, que permite analisar a conformidade do design de interface com a teoria de design visual, o guia Material Design e as diretrizes WCAG 2.0. A confiabilidade e validade da rubrica foram avaliadas por meio de uma avaliação com 978 projetos da galeria do App Inventor. Os resultados indicam que a CodeMaster UI Design – App Inventor Rubric pode ser considerada confiável (alfa de Cronbach = 0.72). Em termos de validade de construto, há evidência de validade convergente.

    A ferramenta tem o objetivo de prover feedback a professores e estudantes, atribuindo uma pontuação da conformidade do design de interface de usuário a projetos de aplicativos por meio de uma ferramenta Web gratuita.

    A pesquisa foi realizada pela iniciativa Computação na Escola/INCoD/INE/UFSC envolvendo alunos de graduação (CCO/INE/UFSC) e pós-graduação (PPGCC/INE/UFSC).

     


  • Tese de Doutorado desenvolvida no GQS/INCoD/INE é premiada no SBGames 2019!

    Publicado em 31/10/2019 às 21:28

    Parabéns a Giani Petri pelo 2. Lugar no Concurso de Teses e Dissertações do SBGames 2019!!

    A tese “MEEGA+: A Method for the Evaluation of the Quality of Games for Computing Education” é resultado do seu doutorado no PPGCC/INE/UFSC realizando a pesquisa no GQS/INCoD/INE/UFSC.

    PETRI, G.; GRESSE VON WANGENHEIM, C. MEEGA+: A Method for the Evaluation of the Quality of Games for Computing Education. Anais do Concurso de Teses e Dissertações da SBGames, Rio de Janeiro/RJ, 2019.


  • Tese de Doutorado Desenvolvida no INE/LaPeSD Ganha Menção Honrosa no Concurso de Teses e Dissertações do WSCAD

    Publicado em 20/10/2019 às 13:28

    A tese de doutorado, intitulada An Approach for Evaluating and Mitigating Intra-Application I/O Performance Variability Over Parallel File System, desenvolvida pelo discente Eduardo Camilo Inácio, e orientada pelo professor Mario Dantas, ganhou o Prêmio de Menção Honrosa no CTD (Concurso de Teses e Dissertações) no evento de Congresso Brasileiro de Computação de Alto Desempenho (SBAC-PAD/WSCAD). Esse é um evento tradicional na área de computação da SBC (Sociedade Brasileira de Computação). Os quatro finalistas foram da UFF, UFRGS e UFSC.

    O trabalho de pesquisa foi desenvolvido no Laboratório de Pesquisa em Sistemas Distribuídos, com uma cooperação como o Riken (Japão) e Grid5000 (França).

    O objetivo focal da pesquisa foi entender e apontar abordagens que indicassem melhorias no armazenamento e tratamento de entradas/saída para aplicações que utilizam grande volume de dados.

    A premiação ocorreu dia 17/10 durante o jantar do SBAC-PAD 2019, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.

    O discente Eduardo Camilo Inácio e o professor Mario Dantas recebendo a Menção honrosa no CTD-WSCAD 2019.


  • Startup formada por alunos do INE se torna a primeira startup parceira em projeto de pesquisa com a Petrobras

    Publicado em 02/10/2019 às 15:15

    A LTRACE Geophysical Solutions é uma startup fundada em 2017 por 3 alunos da UFSC – Fernando Bordignon (Doutor em Ciência da Computação pelo PPGCC/UFSC), Leandro Passos de Figueiredo (Doutor em Física pela PPGFSC/UFSC) e Rodrigo Exterkoetter (Mestre e Doutorando em Ciência da Computação pelo PPGCC/UFSC). Estes alunos vêm, desde a sua graduação, desenvolvendo pesquisas no Laboratório de Conexionismo e Ciências Cognitivas (L3C) do Departamento de Informática (INE) em projetos do Laboratório em parceria com a Petrobras coordenados pelo professor Mauro Roisenberg.

    Neste ano, eles se tornaram a primeira startup a assinar contrato com o Centro de Pesquisa da Petrobras (CENPES) para o desenvolvimento de novas tecnologias usando deep learning e aprendizado de máquina para análise de rochas digitais do pré-sal brasileiro.


  • Mestrando do PPGCC/UFSC realiza parte de sua pesquisa de mestrado em Grenoble (França)

    Publicado em 29/09/2019 às 23:12

    Emmanuel Podestá Junior (mestrando do PPGCC/UFSC sob orientação do professor Márcio Castro no Laboratório de Pesquisa em Sistemas Distribuídos – LaPeSD) está atualmente realizando parte de sua pesquisa de mestrado na Université de Grenoble (França). Durante o período de 3 meses o estudante receberá um financiamento oriundo do Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS) e trabalhará em conjunto com um doutorando da Université de Grenoble (Pedro Penna) sob supervisão do professor Jean-François Méhaut. Na foto abaixo, Emmanuel (esquerda) e Pedro (direita) estão na frente do prédio do Laboratoire d’Informatique de Grenoble no campus da Université de Grenoble.

    Esta missão de pesquisa em Grenoble é fruto de uma colaboração de mais de 10 anos entre os professores Márcio Castro (PPGCC/UFSC) e Jean-François Méhaut (Université de Grenoble).


  • Resultado da etapa regional da Maratona de Programação 2019

    Publicado em 19/09/2019 às 13:45

    Neste último sábado (dia 14 de setembro) ocorreu em Blumenau a etapa regional da Maratona de Programação 2019. O time Bolonhesa, composto pelos alunos titulares Wesly Carmesini Ataide, Nicolas Goeldner, e João Paulo Taylor Ienczak Zanette resolveu 4 dos 13 problemas e conquistou o segundo lugar, colocando o INE/UFSC novamente no quadro de medalhas! A primeira colocação da prova ficou com o time da UDESC, S4D B0YS, que resolveu 7 dos 13 problemas. Na região sul, o time Bolonhesa obteve a quinta colocação (dentre os 95 times que participaram), apenas atrás de UFPR, UNIOESTE, UDESC, UFFS. Além disso, o time ficou na frente de outras universidades de renome e tradição em competições de programação, como UFRGS, FURG, PUCRS, URI, UTFPR e PUCPR. Em nível nacional, participaram 726 times de 224 escolas, sendo que o time Bolonhesa conquistou a 75ª colocação.

    Os demais times do INE/UFSC, Shakira Shakira e Biridim resolveram 2 problemas e terminaram, respectivamente, na 8ª e 12ª colocação da sede regional de Blumenau. O time Shakira Shakira foi composto pelos alunos titulares João Gabriel Trombeta, Luis Oswaldo dos S. Ganoza, e Lucas Cavalcante de Sousa, enquanto que o time Biridim foi composto pelos alunos titulares José Luiz de Souza, André Filipe S. Fernandes, e Hans Buss Heidemann. O coach (treinador) dos times do INE/UFSC foi o prof. Maicon R. Zatelli.

    O placar completo da sede regional de Blumenau pode ser acessado pelo link http://maratona.ime.usp.br/pf19sedes/scbl.pdf

    A prova, resultados, e estatísticas podem ser acessados pelo link http://maratona.ime.usp.br/primfase19/

    Outras fotos e vídeos do evento podem ser acessadas pelo link (temporário): https://onedrive.live.com/?authkey=%21AFZbKkS1R%5F%5FOsPM&id=2DE9CDF0243F6E68%219683&cid=2DE9CDF0243F6E68

     


  • Participação de alunos do INE na etapa regional da Maratona de Programação 2019

    Publicado em 12/09/2019 às 15:36

    Neste sábado (dia 14 de setembro) ocorrerá em Blumenau a etapa regional da Maratona de Programação 2019. O INE/UFSC estará representado por três times de quatro alunos, sendo três alunos titulares e um aluno reserva:

    • Shakira Shakira (João Gabriel Trombeta, Luis Oswaldo dos S. Ganoza, Lucas Cavalcante de Sousa, Gabriel Pordeus Santos)
    • Bolonhesa (Wesly Carmesini Ataide, Nicolas Goeldner, João Paulo Taylor Ienczak Zanette, Gustavo de Castro Biage)
    • Biridim (José Luiz de Souza, André Filipe S. Fernandes, Hans Buss Heidemann, Lucas Barzan Demétrio)

    Ao todo, na sede regional de Blumenau, estarão participando 19 times de 6 escolas. O primeiro colocado irá participar da final brasileira da Maratona de Programação, que ocorrerá em novembro em Campina Grande. Por sua vez, os melhores colocados da final brasileira participarão da final mundial, que ocorrerá em 2020 em Moscou (Rússia).

    A Maratona de Programação é um evento da Sociedade Brasileira de Computação que existe desde o ano de 1996. A Maratona nasceu das competições regionais classificatórias para as finais mundiais do concurso de programação, o International Collegiate Programming Contest, e é parte da regional sulamericana do concurso.

    Ela se destina a alunos de cursos de graduação e início de pós-graduação na área de Computação e afins (Ciência da Computação, Engenharia de Computação, Sistemas de Informação, Matemática, etc). A competição promove nos estudantes a criatividade, a capacidade de trabalho em equipe, a busca de novas soluções de software e a habilidade de resolver problemas sob pressão.

    Os times tentarão resolver durante 5 horas o maior número possível dos 10 ou mais problemas que são entregues no início da competição. Estes estudantes têm à sua disposição apenas um computador e material impresso (livros, listagens, manuais) para vencer a batalha contra o relógio e os problemas propostos. De ano para ano tem-se observado que as instituições e principalmente as grandes empresas da área têm valorizado os alunos que participam da Maratona.

    Mais informações sobre o evento deste sábado podem ser acessadas pelo site oficial da sede regional de Blumenau ( http://inf.furb.br/maratona/ ) e também por meio do site oficial da Maratona de Programação ( http://maratona.ime.usp.br/ ).